Sinpol-MA: Deflagrado movimento "Polícia Legal" em favor de melhores condições para o trabalho policial

O movimento vai denunciar a péssima situação física e estrutural da Policia Civil.

Movimento conta com o apoio integral da categoria
Movimento conta com o apoio integral da categoria

Diretor apresenta o
Diretor apresenta o "Policia Legal" ao Ministério Público

Delegado Regional recebe proposta do movimento
Delegado Regional recebe proposta do movimento

Desde segunda-feira, (08), a Operação PCMA Legal foi deflagrada pelo Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Maranhão. A decisão de implementar a ação “Polícia Legal” foi tomada em assembleia realizada pelo Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão no mês de dezembro com o apoio de toda categoria.

Através do movimento, a categoria vai expor as inúmeras deficiências estruturais e institucionais da Polícia Civil. O “Polícia Legal” é alicerçado em um Código de Conduta, que está sendo distribuído nas delegacias. A cartilha da PCMA Legal com todas as recomendações pode ser conferida no site: http://sinpolma.org.br/

De acordo com Neto Waquim, o diretor de Formação Sindical do Sinpol-Ma, antes de ser lançado à sociedade, o projeto foi apresentado ao Ministério Público Estadual e à Delegacia Regional da Polícia Civil em Timon, portanto, não é uma ação isolado ou uma tomada de decisão sem base ou princípios, diz Neto.

Segundo o diretor, o POLÍCIA LEGAL, consiste em trabalhar na legalidade. Não suprindo as deficiências do Estado que não valoriza a instituição que se encontra sucateada e desvalorizada. Sem uma política salarial decente para os cargos de investigador, escrivão e comissário. Não é um movimento grevista e nem paredista. Visa trabalhar dentro de suas atribuições, adianta o diretor.

 “A importância do apoio do Ministério Público, como fiscal da lei, ao movimento que visa valorizar a Polícia Judiciária que é uma das instituições mais importantes do Brasil”, frisou Neto Waquim ao blogdoribinha.

Forro desabou sobre equipamentos da Delegacia
Forro desabou sobre equipamentos da Delegacia

Equipamentos foram todos danificados
Equipamentos foram todos danificados
Forro de delegacia desaba em Lago do Junco-Ma

No decorrer da deflagração do movimento “Polícia Legal”, iniciada nesta segunda-feira (8), uma situação inusitada, que ocorreu na delegacia de Lago do Junco-Ma, comprova os problemas de gestão da Polícia Civil do Maranhão.

O forro de uma das salas da unidade caiu. Mesas, cadeiras, computadores, documentos e impressoras foram atingidos pelos fragmentos do material.

A queda pode ter danificado os equipamentos de informática. Ninguém ficou ferido porque a delegacia não funciona 24 horas.

Devido às condições estruturais do local, já ocorreram vários casos de destelhamento e desabamento. O prédio foi cedido pela prefeitura municipal.

É para evitar riscos à integridade física dos servidores e, principalmente, dos cidadãos, merecedores de um atendimento digno e seguro, que o Sinpol-Ma, em conjunto com a classe, decidiu pôr em prática o “Polícia Legal”, resolvendo dar um basta  na “polícia de improviso”. (Sinpol-Ma).