Dedé volta a ser relacionado para um jogo do Cruzeiro após 8 meses

Recuperado de lesão, zagueiro foi relacionado por Mano Menezes para o jogo contra o Villa Nova nesse sábado (17), mas sua atuação não está garantida

O técnico Mano Menezes confirmou nesta sexta-feira (16) os jogadores relacionados para a partida contra o Villa Nova nesse sábado (14), pelo Campeonato Mineiro, tendo como grande novidade a volta do zagueiro Dedé. Recuperado de lesão, o jogador de 29 anos não atua desde o dia 28 de maio de 2017, quando enfrentou o Santos pelo Brasileirão.

O zagueiro Dedé foi relacionado para o jogo do Cruzeiro contra o Villa Nova (Reprodução twitter/Cruzeiro)
O zagueiro Dedé foi relacionado para o jogo do Cruzeiro contra o Villa Nova (Reprodução twitter/Cruzeiro)

No twitter oficial do Cruzeiro, Dedé e o técnico Mano Menezes falaram da volta do zagueiro ao time. "Fala, Nação Azul! Estou aqui para informar que estou com a maior felicidade sendo relacionado novamente. Venho aqui para agradecer o apoio da torcida, as orações que tiveram por mim para que tivesse esse momento no Cruzeiro. Espero que, daqui para frente, seja só felicidade, buscando títulos, fazendo meu melhor e dando só alegrias para vocês", disse Dedé. 

Na coletiva, Dedé aproveitou para agrecer o departamento médico do Cruzeiro e da sua vontade de atuar na Libertadores. "Sou extremamente grato aos profissionais da Toca da Raposa II e principalmente aos torcedores cruzeirenses que sempre me apoiaram nos momentos mais difíceis. A minha Copa do Mundo será a Copa Libertadores pelo Cruzeiro, vou suar sangue por esse tricampeonato", declarou o zagueiro.

Já o técnico Mano Menezes acredita num novo Dedé, livre das lesões anteriores. "Jogador sempre quer jogar. E o Dedé está entre os que mais quer jogar. Dedé se conhece mais, certamente é um novo Dedé, não é o Dedé de antes. A gente precisa se conhecer mais e ver o que a vida faz para a gente. Nós, eu disse isso a ele recentemente, estamos envolvidos porque queremos o bem dele e que volte a fazer parte de jogos importantes. "(A volta) Vai acontecer de uma maneira natural. Quase nunca se faz uma alteração na zaga. Mas é importante ele voltar, vivenciar o ambiente do estádio, diminuir a ansiedade para começar no próximo jogo", comentou o técnico da Raposa.

 

Mais lidas nesse momento