Pabllo Vittar desfila na Beija-Flor com transparência: 'Esse carnaval ainda não beijei ninguém'

Escola foi a última a se apresentar nesta segunda na Sapucaí. Fantasia da cantora, que fez sua estreia na avenida, teve transparências e fio-dental.

Dona dos hits mais tocados neste carnaval, Pabllo Vittar fez sua estreia como destaque na Sapucaí. Pabllo e Jojo Todynho foram destaques em um dos carros alegóricos da escola que, neste ano, falou sobre intolerância, desigualdade social e corrupção.

Foto: Marcos Serra Lima/G1
Foto: Marcos Serra Lima/G1

“Não estou nervosa, estou cansada. Momento histórico porque eu sempre via pela televisão com a minha mãe. Ela é Mocidade, mas vai torcer por mim. Venho carregando uma bandeira linda na Sapucaí, de uma gente de bem”, disse Pabllo ao chegar à concentração de Nilópolis.

Ela conta que ainda não beijou ninguém neste carnaval. "Esse carnaval ainda não beijei ninguém. O último foi há três semanas."

"Achei muito legal desfilar de maiô, porque todos me associam à peça", disse. "O maiô também ajuda a esconder algumas 'coisitas'''. Pabllo diz que a bota é um pouco incômoda para andar e que está parecendo uma ciborgue. Cerca de cinco pessoas a ajudavam a se preparar para o desfile.

Jojo Todynho chegou à avenida enquanto Pabllo se arrumava. "A gente não tem rivalidade, a gente se encaixa direitinho", disse a cantora de "Que tiro foi esse?"

"Jojo é babadeira, ela se transforma e vai no tempo certo. É um babado", elogiou Pabllo.

"Carnaval é muito importante, porque a gente tem o espaço de levantar a bandeira contra a intolerância e falar dos nossos direitos e deveres. E mostrar que nós, gays, independente da orientação sexual, somos pessoas de bom caráter e podemos realizar nossos sonhos", ressaltou Pabllo.

Mais lidas nesse momento