Polícia prende grupo que assaltava instituições financeiras no interior do Piauí

A polícia suspeita que mais três acusados estejam foragidos na cidade de Castelo do Piauí

Atualizada às 9h12

Um grupo criminoso foi preso e encaminhado à sede do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), na manhã desta quinta-feira (26/04). Claudenor Morais de Lima, José Romildo Pinheiro Barbosa e Tarcísio Barbosa Fonseca são acusados de serem integrantes de uma quadrilha especializada em assalto a instituições financeiras no interior do Piauí.

Foto: Wilson Nanaia/Portal AZ
Foto: Wilson Nanaia/Portal AZ

A polícia suspeita que mais três acusados estejam foragidos na cidade de Castelo do Piauí. Já são dois dias de perseguição. A polícia já identificou os suspeitos, dois são do Ceará e um de Pernambuco.

Foto: Delegado Willame Moraes( Wilson Nanaia/Portal AZ)
Foto: Delegado Willame Moraes( Wilson Nanaia/Portal AZ)

“Estamos com um trabalho de investigação desde o começo do ano devido aos vários ataques que o Estado vem sofrendo e sabíamos que havia pelo menos três organizações criminosas atuando aqui na região. Uma delas foi fortemente abalada por ações da polícia, essa última que um advogado foi preso e sabemos que tinha outras e na terça-feira houve o desencadeamento dessa depois da abordagem de um dos suspeitos que confessou o crime”, explica o delegado Willame Moraes, coordenador do Greco. 

Ainda de acordo com o delegado as prisões foram decorrentes da abordagem de um veículo com restrição de roubo. A polícia ainda descobriu um galpão que servia de base de apoio para o planejamento do assalto.

"Eles estavam bastante organizados. Alugaram um galpão, tinham um carro roubado e todo um plano de atuação no Piauí. Três suspeitos conseguimos prender e outros três estão foragidos, mas estão cercados pela polícia, embreados no mato”, afirma o delegado.

Mais lidas nesse momento